Constelações Acusmáticas | TBA

Annette Vande Gorne
@Michael Zacherl

Constelações Acusmáticas

Ensemble DME + Annette Vande Gorne

Teatro do Bairro Alto | 27 de Maio de 2023 | 19h30


O Projecto DME tem o prazer de anunciar o espetáculo Constelações Acusmáticas no Teatro do Bairro Alto, com o Ensemble DME e a compositora belga convidada Annette Vande Gorne. Será no sábado, dia 27 de Maio de 2023, pelas 19h30. O concerto será inserido no ciclo do TBA Escuta Cruzada.

Escuta Cruzada é um novo lugar de curadoria partilhada do TBA que desafia coletivos, associações e outros organismos criadores a pensarem a programação musical como uma relação osmótica, de partilha, porosa e transversal.


Informações:
Preço Bilhete duplo: 12 eur.
Bilhete por concerto: 6 eur. (integrado no Passe Cultura, apenas disponível na Bilheteira do TBA)
Sala Principal do Teatro do Bairro Alto
Duração 50 min. + 50 min. (com intervalo)

+ info aqui 

Sinopse:

O Ensemble DME, fundado pelo compositor Jaime Reis e sediado em Lisboa, apresenta um programa focado na área de pesquisa e programação com quatro peças de compositores distintos que atravessam a música acusmática, eletroacústica e instrumental. Para a ocasião, convidam Annette Vande Gorne, pioneira da música acusmática e uma das principais descendentes académicas de Pierre Schaeffer e Pierre Henry (que conceberam os princípios da música concreta, antecessora da música acusmática), sendo atualmente uma das mais ativas criadoras, investigadoras e promotoras desta prática musical através da sua associação Musiques & Recherches, na Bélgica.

Annette Vande Gorne traz-nos “Fragments de lettre à un habitant du Centre”, uma espacialização sonora site-specific, convite a uma experiência sensorial imersiva. O programa conta também com “Instantes”, peça de inspiração textual de Marta Domingues, “Eolia”, de Philippe Hurel, uma obra de referência no repertório para flauta que será interpretada por Mafalda Carvalho, e uma estreia de Pedro Junqueira Maia, que propõe, nas palavras do próprio, “um apontamento sonoro sobre um espaço temporal pelo qual os sinos não querem dobrar”.


Programa:

Marta Domingues (2000): Instantes**, acusmática (2022) [c. 12']

Philippe Hurel (1955): Eolia, para flauta solo (1984) [c. 8’]

Pedro Junqueira Maia (1971): música ñ permitida*, para recitante e sons pré-gravados (2023)* [c. 8']

Annette Vande Gorne (1946) / Kamal Ben Hameda (1954): Fragments de lettre à un habitant du Centre, acusmática (2002) [c. 12']

* Estreia absoluta. Encomenda DME.
** Estreia em Portugal


Equipa artística e técnica:
Annette Vande Gorne e Marta Domingues, espacialização
Mafalda Carvalho, flauta
Sónia Correia, recitante
Jaime Reis, direcção artística
Mariana Vieira, direcção executiva
Caio Rodrigues, direcção técnica
Cristóvão Almeida, assistente técnico

Fotografias: ©Diana Tinoco / TBA

















Workshop de Espacialização de Música Acusmática, com Annette Vande Gorne

6ªfeira, 26 de Maio de 2023, 10h | Teatro do Bairro Alto


Fotografias: ©Diana Tinoco / TBA












Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Festival Imersivo 2024

International Masterclass for Composers 2024

Corpos Sonoros